Notícias a toda hora

Batman Returns (1992) [4K UHD/Blu-Ray/Digital]


Se “Batman” foi o ato de abertura da versão de Batman de Tim Burton, “Batman Returns” é um segundo refrão bastante épico que completa a imagem. Se você acredita ou não que Burton desistiu, ou foi demitido pela Warner por ser muito obscuro ou violento, “Batman Returns” é um ótimo capítulo de encerramento no mundo Batman de Burton, mesmo apesar de suas falhas. Inferno, é um filme melhor do que “Batman”, apesar de objetivamente reunir as falhas mais óbvias do que o original de 1989.

Depois de nascer desfigurado como um pinguim, Oswald Cobblepot retorna a Gotham ansioso para encontrar suas raízes e estágios crimes para tornar-se um herói como meio de ascender ao poder político. No seu caminho está Batman que vê através da farsa de Oswald, e rapidamente se torna o alvo de Penguin e sua gangue de criminosos Circus. Enquanto isso, Selena Kyle, uma jovem secretária que sobrevive a uma tentativa de homicídio cometida por seu chefe, o corrupto político Max Shreck, volta em busca de vingança como a Catwoman vigilante. As coisas ficam ainda mais complicadas quando Bruce Wayne se apaixona por Selena Kyle, que como Catwoman se une a Oswald para destruir a reputação de Batman e transformá-lo em criminoso.

“Batman Returns” é provavelmente a visão mais vívida que Tim Burton tem em diz respeito a como ele retrata a cidade de Gotham. Enquanto este acompanhamento é um pouco mais de um espetáculo, ele mantém fiel a sua intenção em relação a Batman como um lutador de crime mítico que é empurrado para a ribalta por dois gênios criminosos. Tal como acontece com o Coringa, Burton, muitas vezes parece mais apaixonado por seus vilões do que Batman, e ele dá tempo narrativo igual a Catwoman e Penguin, ambos os quais têm seus próprios planos desonestos. Eles são ambos aliados e trabalham uns contra os outros. Enquanto isso, seus caminhos levam ao vilão Max Shreck, magistralmente interpretado por Christopher Walken

“Batman Returns” assiste melhor que “Batman” apesar das falhas mais flagrantes – e este filme é feito com falhas. Batman não aparece até pelo menos quinze minutos em seu próprio filme. Catwoman e Penguin são basicamente os personagens principais. Bruce Wayne é descrito como um pouco lento, e aparentemente senta em seu escritório no escuro esperando o sinal do morcego aparecer. E alguém pode me dizer como o Penguin conseguiu os planos para o Batmóvel? Dito isto, “Batman Returns” é muito divertido, e Michelle Pfeiffer como Catwoman ainda desperta – erm – excitação .

O novo lançamento da Warner inclui o fantástico novo 4K UHD, um Cópia Blu-Ray e uma Cópia Digital para colecionadores. O UHD contém apenas uma faixa de comentários vintage com Tim Burton . O Blu-Ray remasterizado, mais uma vez, inclui recursos anteriormente incluídos no conjunto de antologia do Batman de anos passados. Há o seu habitual comentário em áudio de Tim Burton que faz um bom trabalho, há “Shadows of the Bat, Parte 4” um documentário de 30 minutos que continua com uma história, performances, casting, e produção de “Batman Returns”.

“Beyond Batman” uma hora olhar longo “Batman Returns”, que inclui seis featurettes dando boas visões gerais do palco de som Gotham City, fazer o filme Aplicativos, efeitos especiais, fantasias e muito mais. “O morcego, o gato e o pinguim” é um EPK de vinte e dois minutos com mais entrevistas padrão e alguns elogios para a produção. “The Heroes and the Villains” é uma série de dezoito minutos de vídeos focados em Batman, The Penguin, Catwoman, Alfred e Max Shreck. Há o videoclipe de Soiuxsie and the Banshees com Face to Face, e finalmente o trailer original do filme.



Source link

você pode gostar também
Loading...